RIBEIRÃO ESTÁ ENTRE CIDADES COM MAIOR RISCO DE PROPAGAÇÃO DO CORONAVÍRUS

Estudo da Unesp destacou 13 municípios do Estado de São Paulo que precisam adotar medidas rígidas de isolamento





Ribeirão Preto está entre os 13 municípios do Estado de São Paulo apontados como de maior risco para a propagação do novo coronavírus (covid-19), segundo estudo da Unesp (Universidade Estadual Paulista). O levantamento indica a necessidade de medidas mais rígidas de isolamento.  

O estudo levou em consideração a quantidade de casos confirmados da covid-19, casos suspeitos, número de internações por SRAG (Síndrome Respiratória Aguda Grave) e a importância regional dos municípios.  

Ribeirão Preto tem 161 casos da Covid-19, segundo o boletim epidemiológico deste domingo (12) da Secretaria Municipal de Saúde. São quatro casos a mais em relação aos números de sábado, quando a cidade tinha 157 confirmações de moradores com a doença.

"Ribeirão Preto cumpre um papel regional muito importante, econômico-social, mas, até por conta disso, cumpre um papel de dispersão do vírus para outros municípios ao seu redor", explicou o professor Raul Guimarães, da Unesp, um dos coordenadores do estudo.   



Além de Ribeirão Preto, os municípios considerados de maior risco para a propagação são Araçatuba, Araraquara, Bauru, Campinas, Marília, Piracicaba, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba e Votuporanga.  

"Muitas pessoas moram em cidades da região, mas trabalham em Ribeirão Preto, estudam em Ribeirão Preto, fazem compras em Ribeirão Preto", pontua. Em razão disso, a pesquisa apontou a necessidade de isolamento em todo em estado, já que a mobilidade entre os municípios é intensa.  

O estudo também identificou rotas de dispersão do vírus, que se concentram especialmente entre as cidades na extensão das rodovias Anhanguera e Presidente Dutra. Nessas regiões de maior circulação, mesmo municípios menores estão mais vulneráveis ao aumento da dispersão do vírus (com informações EPTV e Folhapress).  

Fonte: A CidadeOn